quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Circulando por Garanhuns

Erguendo-se imponente qual Roma ou Lisboa sobre 7 colinas - Antas, Columinho, Ipiranga, Magano, Monte Sinai, Quilombo e Triunfo -, Garanhuns é uma cidade de relevo bastante acidentado. 

Realmente, são muitas a ladeiras que os garanhuenses têm de enfrentar no dia-a-dia, mas a boa notícia é que o Circuito Turístico Urbano, que se distribui ao longo de 3 Zonas principais - Heliópolis, Guadalajara e Centro -, pode ser facilmente percorrido a pé, já que as atrações mais importantes encontram-se espalhadas num raio de apenas 3 km, e o friozinho serrano acaba servindo de estímulo ao percurso pelas amplas e ajardinadas avenidas da "Cidade das flores"...



E aos que chegam de ônibus, outro alento: a Rodoviária está localizada em uma região privilegiada, exatamente no centro das 3 zonas de interesse e ao lado do aromático e bucólico Parque dos Eucaliptos.

De ônibus e de moto-táxi

Aos que não topem a caminhada, a zona urbana de Garanhuns também dispõe de serviço regular de transporte de passageiros, a cargo da empresa São Cristóvão, com 11 linhas de ônibus ao preço de R$ 2 a passagem, sendo possível consultar seus horários e itinerários através do site.



Ao turista, recomenda-se a Linha Garoinha (R$ 2,50), espécie de circular operada em micro-ônibus com ar-condicionado, e que, além de proporcionar um maior conforto, percorre as 3 Zonas de interesse do Circuito Urbano, passando por boa parte das atrações turísticas, conforme demonstra a tabela abaixo:



Outra forma rápida e barata de se locomover é por meio do serviço de moto-táxis, a cargo de diversas empresas. Pode ficar tranquilo: o serviço é regulamentado pela Agência de Transportes do Município e conta com mais de 300 motoristas cadastrados. Uma corrida costuma sair ao preço de R$ 3.

Linha Turismo FIG Tur

Uma novidade do Festival de Inverno deste ano (2013) será o serviço especial de transporte batizado de FIG Tur. A linha especial circulará pelos principais polos do evento e funcionará da seguinte maneira: desembolsando R$ 10 por dia, o turista receberá uma pulseira que lhe conferirá o direito de usufruir do ônibus das 13h30 às 21h, podendo embarcar e desembarcar quantas vezes desejar.

O roteiro percorrido pelo FIG Tur será o seguinte:

Pop/Forró e outros - Parque Euclides Dourado (dos Eucaliptos);
Guadalajara - Esplanada Guadalajara;
Cultura Popular – Espaço Colunata;
Palco Circo - Av. Caruaru;
Arte do Casarão - Casarão dos Lundgren/de Ferreira Costa;
Oficinas - AESGA;
Instrumental - Parque Ruber van der Linden (Pau-Pombo);
Cinema - Pólo Heliópolis;
Praça da Palavra - Praça Souto Filho (da Fonte Luminosa);
Polo Castainho.

Atrações afastadas do Circuito Urbano

As exceções à regra geral de proximidade são: 

- O CASTELO DE JOÃO CAPÃO, localizado no perímetro urbano, a cerca de 2km do Centro, às margens da BR-423, próximo à segunda entrada da Cidade (aquela das Avs. Caruaru e Simoa Gomes, da AESGA e da Rodoviária), só que do lado oposto, descendo em direção ao vale, com acesso asfaltado;

- O CRISTO DO MAGANO, também no perímetro urbano (no alto da Colina do Magano), a cerca de 3km do Centro, mas já próximo à saída para Paranatama, com acesso pelas BR-423 e 424 e, depois, por estrada asfaltada, pela Rua do Magano. Atenção: após o cruzamento da BR-423 com a BR-424, é necessário pegar o retorno e, depois, a própria BR-424 no sentido Subúrbio-Centro, passando por baixo do viaduto da BR-423, para só então ter acesso à Rua do Magano, à direita;

- A PEDRA DO NAVIO, no vizinho Município de Paranatama (antiga Serrinha do Catimbau), a cerca de 22km do Centro de Garanhuns, com acesso pela BR-423 e, logo após a entrada de Paranatama, na primeira saída à direita depois do Posto Bolandeira, por estrada vicinal, não asfaltada;

- As RUÍNAS DO BOM PASTOR, no perímetro urbano, a cerca de 2,5km do Centro, às margens da BR-424 e próximas ao Cemitério de São Miguel, com acesso pela própria BR-424, no sentido Centro-Subúrbio (em direção a Alagoas), ou, por dentro da Cidade, pelo Bairro da Boa Vista (Ruas Melo Peixoto, José Leitão e do Bom Pastor);

- O QUILOMBO DO CASTAINHO, na Zona Rural, a cerca de 5,5km do Centro, com acesso pelo Bairro da Boa Vista (Ruas Melo Peixoto, São Miguel e Zumbi), ou pelas BR-424 e PE-218 até o Giradouro Rodoviário e, de lá, até a Rua Zumbi, a partir da qual, em ambos os casos, deve-se seguir por estrada vicinal, não asfaltada;

- A IGREJA DO TIMBÓ e a CACHOEIRA DE INHUMAS, na Zona Rural, em direção a Correntes, a cerca de 25km do Centro de Garanhuns, com acesso pelas PE-218/BR-424 (Atenção: ao pegar a PE-218, o condutor deve seguir até o trevo e, neste, virar à esquerda, voltando para BR-424, que segue em direção a Correntes) até Iratama, devendo-se entrar à esquerda na altura das Fazendas Brejo do Coelho/Santa Rosa, e de lá seguir viagem. A estrada é asfaltada até Iratama (BR-424), e de lá até a Fazenda Santa Rosa, apesar de, neste último trecho, o asfalto encontrar-se em péssimas condições; a partir da Santa Rosa, o acesso se dá por estrada vicinal, não asfaltada;

- O CIRCUITO DO CAFÉ, no vizinho Município de Brejão, a cerca de 20-25km do Centro de Garanhuns, com as distâncias variando em função das fazendas visitadas, e com acesso pela PE-218, asfaltada até Brejão. De lá, para as fazendas, o acesso é feito por estradas vicinais, não asfaltadas; 

- O SANTUÁRIO DO COLUMINHO (no alto da Colina do Columinho), no perímetro urbano, a cerca de 3,5km do Centro de Garanhuns, com acesso asfaltado pelo Bairro de Heliópolis (Av. Djalma Dutra, Rua Edson Régis e Av. Felipe Camarão);

- O SANTUÁRIO MÃE RAINHA, no perímetro urbano (no alto da Colina do Triunfo), a cerca de 5,5km do Centro, com acesso pelo Bairro de Heliópolis (Av. Duque de Caxias e Ruas Sargento Evandro Marcílio e de Santa Quitéria), devendo-se pegar o acesso asfaltado, à esquerda, ao final da Rua de Santa Quitéria;

- O SANTUÁRIO DE FREXEIRAS, no vizinho Município de São João, a cerca de 10km do Centro de Garanhuns, com acesso pelo Bairro de Heliópolis (Av. Duque de Caxias e Ruas Sargento Evandro Marcílio e de Santa Quitéria), devendo-se seguir, a partir da Rua de Santa Quitéria, por estrada vicinal, não asfaltada;

- E, por derradeiro, a CASA ONDE NASCEU O EX-PRESIDENTE LULA, no vizinho Município de Caetés, a cerca de 10km do Centro de Garanhuns, com acesso pela BR-424, devendo-se virar à direita após o segundo Grupo Escolar (este último trecho feito por estrada vicinal, não asfaltada).

2 comentários:

  1. Olá Igor boa tarde,
    Viajando pelas páginas da net, encontrei sua e fiquei contente em encontrar pontos comuns entre nós, como por exemplo, ser do Instituto Histórico de Jaboatão IHJ.
    Achei interessante este guia sobre sua cidade.
    Espero poder contribuir com a troca de informações.

    Forte abraço.

    ResponderExcluir
  2. Olá Igor boa tarde,
    Viajando pelas páginas da net, encontrei sua e fiquei contente em encontrar pontos comuns entre nós, como por exemplo, ser do Instituto Histórico de Jaboatão IHJ.
    Achei interessante este guia sobre sua cidade.
    Espero poder contribuir com a troca de informações.

    Forte abraço.

    ResponderExcluir